• Minhas compras
  • Entrar
  • Frei Betto
    Frei Betto autor

    Frei Betto, frade dominicano identificado com a Teologia da Libertação, estudou Jornalismo, Antropologia, Filosofia e Teologia. É membro do Institute for Critical Research (Amsterdã), diretor da revista latino-americana America Libre e conselheiro de diversas Comunidades de Base no Brasil. Autor de mais de quarenta livros, entre eles A noite em que Jesus nasceu, Entre todos os homens e Hotel Brasil.

triangulo
  • R$ 77,00

    Esta premiadíssima e audaciosa obra do cubano Leonardo Padura, traduzida para vários países (como Espanha, Cuba, Argentina, Portugal, França, Inglaterra e Alemanha), é e não é uma ficção. A história é narrada, no ano de 2004, pelo personagem Iván, um aspirante a escritor que atua como veterinário em Havana e, a partir de um encontro enigmático com um homem que passeava com seus cães, retoma os últimos anos da vida do revolucionário russo Leon Trotski, seu assassinato e a história de seu algoz, o catalão Ramón Mercader, voluntário das Brigadas Internacionais da Guerra Civil Espanhola e encarregado de executá-lo.Esse ser obscuro, ...

    Ano de publicação 2013.

  • A difícil democracia Reinventar as esquerdas
    R$ 57,00

    Para onde vai a democracia? Esse é o ponto de partida de A difícil democracia - Reinventar as esquerdas, livro inédito do cientista social português Boaventura de Sousa Santos, que analisa a urgência de esquerdas reflexivas na atualidade. Neste livro, ele avalia a ascensão dos movimentos Occupy e das revoltas da indignação, os desafios da Venezuela pós-Chaves, as experiências recentes no sul da Europa, a história - bem como o desgaste - das democracias na passagem do século XX para o XXI e o surgimento de um novo jeito de fazer política. A obra aborda temas atuais, que nos últimos seis anos captaram a atenção do autor por serem sintomáticos de desenvolvimentos que p ...

    Ano de publicação 2016.

  • Contraversões Civilização ou barbárie na virada do século
    Livro indisponível

    Há uma máxima em jornalismo que diz não existir o fato, mas apenas a versão. Se é assim, a versão dominante desses últimos de anos da vida brasileira poderia ser resumida como um samba de uma notá só´: Baniu-se a postura crítica para dar lugar ao que os franceses chamaram de “PENSAMENTO ÚNICO”. Os escritos deste livro remam contra essa maré, daí o título CONTRAVERSÕES. Nele, Emir Sader e Frei Betto buscam iluminar o debate com novas formas de falar de velhas idéias e com velhas formas de falar de idéias novas. São desafios para quem os escreve, na disputa de espaços para que os brasileiros possam escolher melhor seu futuro. ...

    Ano de publicação 1999.