• Minhas compras
  • Entrar
  • Ricardo Antunes
    Ricardo Antunes autor

    Ricardo Antunes é um dos principais nomes da Sociologia do Trabalho no Brasil. Professor titular de Sociologia no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas (IFCH/Unicamp), Antunes é coordenador da coleção 'Mundo do trabalho', da Boitempo.

triangulo
  • Infoproletários degradação real do trabalho virtual
    R$ 57,00

    Infoproletários evidencia a associação oculta entre o uso de novas tecnologias e a imposição de condições de trabalho do século XIX em um dos setores considerados como mais dinâmicos da economia moderna, o informacional. Ao contrário do que é prometido pelos entusiastas deste novo segmento, os trabalhadores vivenciam uma tendência crescente de alienação do trabalho em escala global. A obra reúne uma série de ensaios que esquadrinham diferentes aspectos da rotina e do modo de vida daqueles que, apesar de frequentemente arruinarem suas vozes ao transformá-las em poderosos instrumentos de acumulação de capital, raramente são ouvidos.A classe trabalhadora é retratada neste livro em duas representações polarizadas. De um lado, aparecem os operadores de telemarke ...

    Ano de publicação 2009.

  • Os sentidos do trabalho ensaio sobre a afirmação e a negação do trabalho
    R$ 63,00

    Em Os sentidos do trabalho, Ricardo Antunes demonstra que a sociedade do trabalho abstrato possibilitou, por meio da constituição de uma massa de trabalhadores expulsos do processo produtivo, a aparência da sociedade fundada no descentramento da categoria trabalho e na perda de centralidade do ato laborativo no mundo contemporâneo. O autor também alerta, porém, para o fato de que o entendimento das mutações em curso no mundo operário nos obriga a ir além das aparências. Ao fazer isso, lembra que o sentido dado ao trabalho pelo capital é completamente diverso do sentido atribuído pela humanidade. ...

    Ano de publicação 1999.

  • R$ 57,00

    Em homenagem à trajetória intelectual de um dos maiores pensadores marxistas da atualidade, a Boitempo publica István Mészáros e os desafios do tempo histórico, coletânea de ensaios de renomados intelectuais do Brasil e do exterior sobre os escritos fundamentais do filósofo húngaro. O livro traz as reflexões que resultaram da última visita de István Mészáros ao país, em 2009, quando foi tema do III Seminário Internacional Margem Esquerda e palestrou em universidades de oito cidades brasileiras, com público estimado de 4 mil pessoas. Figuram na lista 22 articulistas convidados a revelar o arcabouço intelectual mészáriano, de militância e comprometimento absoluto com uma mudança social radical da sociedade.Organizados em dezoito mesas de debate que refletiram ...

    Ano de publicação 2011.

  • R$ 85,00

    Este segundo volume de Riqueza e miséria do trabalho no Brasil apresenta um panorama amplo e multifacetado da nova morfologia do trabalho, analisando as distintas terceirizações, as múltiplas precarizações e os vários modos de ser da informalidade que despontam no país, acentuados a partir dos anos 1990, quando se redesenhou a Divisão Internacional do Trabalho. O livro traz estudos aprofundados de vários ramos ou setores econômicos, como petroquímico, metalúrgico, aeronáutico, hoteleiro, educacional e fumageiro, que, em conjunto, permitem uma melhor compreensão da organização do trabalho no Brasil. Também são apresentadas análises sobre as ten ...

    Ano de publicação 2013.

  • R$ 89,00

    O terceiro volume de Riqueza e miséria do trabalho no Brasil, projeto do sociólogo e professor da Unicamp Ricardo Antunes, explora o laboratório capitalista em países nórdicos e no Brasil, aprofundando o objetivo da série de traçar um panorama do momento atual e do futuro do trabalho e do sindicalismo no Brasil. Dando continuidade ao projeto iniciado com a publicação dos volumes I e II desta série, também pela Boitempo, os autores investigam em profundidade os caminhos do mundo do trabalho contemporâneo, suas metamorfoses e transformações, com o olhar voltado especialmente para o caso brasileiro, mas também para o espaço produtivo e as formas diferenciadas de produ&ccedi ...

    Ano de publicação 2014.

  • Curso livre Marx-Engels a criação destruidora
    R$ 18,00

    Em oito aulas temáticas, o guia de introdução Curso livre Marx-Engels atravessa as principais obras do marxismo, do Manifesto Comunista ao Capital, apresentando os fundamentos do pensamento de Marx e Engels e esclarecendo a origem de conceitos-chave como 'fetichismo da mercadoria', 'luta de classes', 'proletariado', 'alienação', 'ideologia', 'crítica da economia política', 'materialismo histórico', 'ditadura do proletariado', entre outros.Coordenada por José Paulo Netto, a obra conta com textos revisados e atualizados de alguns dos maiores pesquisadores do marxismo do Brasil: Alysson Leandro Mascaro, Antonio Rago Filho, Jorge Grespan, Mario Duayer, Osvald ...

    Ano de publicação 2015.

  • R$ 75,00

    A nova edição de O privilégio da servidão, do sociólogo e professor Ricardo Antunes, apresenta um retrato detalhado e atualizado da classe trabalhadora hoje, com as principais tendências das novas relações trabalhistas, em que precarizações, terceirizações e desregulamentações tornaram-se parte da regra, e não da exceção. O estudo apresenta uma análise minuciosa das mudanças nas relações de trabalho durante a história recente do país, desde a redemocratização até os primeiros meses de Jair Bolsonaro no poder – passando pelo impeachment de Dilma Rousseff e pelo governo de Michel Temer. O eixo cent ...

  • Um porto no capitalismo global Desvendando a acumulação entrelaçada no Rio de Janeiro
    R$ 39,00

    A análise do desenvolvimento do processo de acumulação primitiva na zona portuária do Rio de Janeiro é o tema desta obra, que apresenta a história da região desde o surgimento do porto. De maior mercado de escravos do mundo a escoadouro de açúcar, ouro e café, até objeto de grandes empreendimentos imobiliários e turísticos da contemporaneidade, especialmente o projeto Porto Maravilha, que antecede os Jogos Olímpicos realizados em 2016, o local foi palco de múltiplas transformações. Os autores buscam mostrar que os processos de incorporação e reincorporação da região acompanham a dinâmica de acumulação de capi ...

    Ano de publicação 2020.

  • Além da fábrica trabalhadores, sindicatos e a nova questão social
    Livro indisponível

    A questão social retornou ao centro das preocupações, tanto das sociedades contemporâneas em geral como dos trabalhadores em particular, figurando fortemente no ideário sindical. Os fenômenos sociais que temos presenciado nos obrigam a pensar novas categorias explicativas, o que inclui, portanto, discutir uma nova questão social. O trabalho, um dos eixos centrais de vertebração da ordem social moderna, ficou enfraquecido com a chamada crise do trabalho e a sociedade sofreu as consequências, por meio de problemas sociais diferenciados, no que já vem sendo designado de a nova era das desigualdades, marcada, entre outras, pela perda de institutos de proteção social, pelo crescimento da pobreza gl ...

    Ano de publicação 2003.

  • Livro indisponível

    Fruto de uma pesquisa coletiva por diversos setores da economia brasileira, do canto erudito aos bancários, da indústria automobilística à economia informal, este livro traça um panorama do momento atual e do futuro do trabalho e do sindicalismo no Brasil.Ricardo Antunes e um grupo de pesquisadores e autores, como István Mészáros, Luciano Vasapollo, Márcio Pochmann e Giovanni Alves, estudam os impactos das mudanças na legislação; da nova divisão internacional e regional do trabalho e do capital, como o impacto dos produtos chineses e a ida de unidades fabris para o interior do país; e das mudanças tecnológicas recentes, como a adoção dos métodos adm ...

    Ano de publicação 2006.

  • O novo (e precário) mundo do trabalho reestruturação produtiva e crise do sindicalismo
    Livro indisponível

    O novo (e precário) mundo do trabalho, de Giovanni Alves, é um estudo profundo, crítico e inovador do processo de reestruturação produtiva do capital no Brasil recente, com ênfase nas repercussões e consequências mais diretas desse processo no mundo do trabalho e no movimento sindical.A mundialização do capital estabeleceu um novo complexo de reestruturação produtiva que atingiu a objetividade e a subjetividade do mundo do trabalho. O seu 'momento predominante' é o toyotismo, uma lógica de organização da produção de mercadorias com impacto universal e cujo principal objetivo é a constituição de uma subjetividade servil à lógica da valorização.Para o autor, o principal elemento que caracteriza esse novo complexo de reestruturação produtiva é o seu poten ...

    Ano de publicação 2000.

  • R$ 85,00

    Riqueza e miséria do trabalho no Brasil v. IV, coletânea organizada pelo sociólogo e professor da Unicamp Ricardo Antunes, explora os novos desenhos das relações de trabalho. Os artigos aqui reunidos, escritos por intelectuais como Ricardo Festi e Luci Praun, indagam-se sobre os rumos da nova morfologia do trabalho com as significativas transformações laborativas que caracterizam o capitalismo na era informacional-digital.Na primeira parte, o principal elemento tematizado é o trabalhador digital (infoproletariado ou ciberproletariado), levando em conta a expropriação do tempo de trabalho e de vida por empresas globais e a explosão do trabalho intermitente (zero-hour contract). Já na segunda parte, ...