• Minhas compras
  • Entrar
  • David Harvey
    David Harvey autor

    David Harvey é um dos marxistas mais influentes da atualidade, reconhecido internacionalmente por seu trabalho de vanguarda na análise geográfica das dinâmicas do capital. É professor de antropologia da pós-graduação da Universidade da Cidade de Nova York (The City University of New York – Cuny) desde 2001.

  • 2
  • /
  • 2
triangulo
  • R$ 83,00

    Os sentidos do mundo reúne ensaios escolhidos pelo próprio David Harvey, oferecendo uma síntese retrospectiva de suas mais importantes e originais contribuições teóricas. A coletânea abarca um imenso leque de temas – da ecologia à pós-modernidade, passando por imperialismo, geopolítica, história urbana, crises financeiras e as dinâmicas de urbanização – e ao mesmo tempo revela um fio condutor comum e uma coerência articulada no trabalho de edição. Harvey é um dos mais notáveis intelectuais marxistas da última metade do século e um dos autores mais citados do mundo nas ciências sociais. Com cinco décadas de carreira acadêmica e militante, escreveu diversos livros e dezenas de ensaios e artigos influentes sobre temas que atravessam política, cultura, e ...

    Ano de publicação 2020.

  • Margem Esquerda 15 Dossiê: Teorias do estado na America latina hoje
    Livro indisponível

    O papel transformador do Estado ressurge nas perspectivas de transformação social com experimentos institucionais democráticos na América Latina. Desenvolvimento, democracia e bem-estar social convivem, sob tensão, nas propostas políticas de países como Bolívia, Brasil e Equador. Na tradição marxista, as experiências latino-americanas viram as páginas do Estado mínimo neoliberal e do socialismo de Estado soviético. A Margem Esquerda se propõe a discutir as possibilidades e os dilemas de transformação relacionados ao novo tipo de Estado da América Latina. O desenvolvimento criativo é irregular no continente. O dossiê deste número, so ...

    Ano de publicação 2010.

  • Livro indisponível

    O papel transformador do Estado ressurge nas perspectivas de transformação social com experimentos institucionais democráticos na América Latina. Desenvolvimento, democracia e bem-estar social convivem, sob tensão, nas propostas políticas de países como Bolívia, Brasil e Equador. Na tradição marxista, as experiências latino-americanas viram as páginas do Estado mínimo neoliberal e do socialismo de Estado soviético. A Margem Esquerda se propõe a discutir as possibilidades e os dilemas de transformação relacionados ao novo tipo de Estado da América Latina. O desenvolvimento criativo é irregular no continente. O dossiê deste número, sobr ...

    Ano de publicação 2010.

  • MARGEM ESQUERDA 34 Dossiê: crise, neoliberalismo e insurreições populares
    R$ 30,00

    Em meio a um cenário global marcado pela sobreposição de crises políticas, econômicas e sanitárias, a próxima edição da Margem Esquerda se propõe a analisar os impasses e as potencialidades da atual encruzilhada a partir dos motins e insurreições que irrompem no horizonte social. É esse eixo que articula os ensaios de fôlego de Anselm Jappe, David Harvey, Michael Löwy, Tithi Bhattacharya, Carlos Eduardo Martins, Noam Chomsky, Rejane Carolina Hoeveler, Maria Beatriz Oliveira da Silva e Thomaz Delgado. O dossiê de capa, “Crise, neoliberalismo e insurreições populares”, coordenado por Luiz Felipe Osório, é costurado por um poderoso ensaio ...

    Ano de publicação 2020.

  • 2
  • /
  • 2